Os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) de Sintra vão estar representados no webinar “A Gestão do Abastecimento de Água em Tempo de Pandemia”, que vai decorrer esta sexta-feira, dia 23, entre as 10h00 e as 12h30. A iniciativa é promovida pela Associação Portuguesa de Distribuição e Drenagem de Águas (APDA).

“Perceção e evolução das perdas de água e da água não faturada” é o tema do painel em que participará André Duarte, da Divisão de Projetos/Avaliação da Eficiência de Sistemas dos SMAS de Sintra, que apresentará a realidade do concelho de Sintra.

Em destaque estarão os resultados obtidos pelos SMAS de Sintra que, em cinco anos, entre 2014 e 2019, conseguiram reduzir o volume de perdas de água em três milhões e 680 mil metros cúbicos de água, o que se traduziu numa diminuição de cerca de 45 por cento. Em final de 2019, os SMAS de Sintra ficaram, pela primeira vez, abaixo dos 20%, o valor preconizado pela Entidade Reguladora dos Serviços de Água e Resíduos (ERSAR). As perdas de água passaram de 30,6% para 18,4%.

O webinar da APDA vai abordar a evolução dos consumos, roturas e perdas de água na fase de confinamento, período em que as entidades gestoras nacionais, como os SMAS de Sintra, tiveram de preparar “de noite para o dia” planos de contingência, adaptados às circunstâncias que se alteravam a todo o momento, em função da evolução da pandemia.

Mas, como refere a APDA, “o abastecimento de água não podia mesmo parar, tinha de ser acautelado. Como se costuma dizer, a democracia foi a maior conquista dos tempos modernos e o saneamento básico a maior vacina do mundo”. E as entidades gestoras foram obrigadas a reinventar métodos para manter a atividade e a laboração diária.

Como gerir um sistema à distância? Como reparar todas as avarias para que o serviço nunca falhasse? Como lidar com as grandes variações dos consumos? Como continuar a controlar as perdas de água? Como continuar a ler contadores e a faturar? Como assegurar a integridade física dos colaboradores todos os dias no terreno? Como mover uma estrutura inteira de backoffice para teletrabalho e não perder rendimento? Como assegurar a sustentabilidade das entidades gestoras? Estas são algumas das questões que vão em debate.

Para a APDA, este webinar constitui, também, uma forma de reconhecimento a todos aqueles que ‘no terreno’ e ‘online’ “lutaram, e lutam, evidenciando como cada função tem um valor inestimável para a garantia da qualidade do abastecimento de água em Portugal”.

A inscrição para assistir ao webinar pode ser efetuada em www.apda.pt.

Atualizado a 21/10/2020